Comprar anfepramona no Rio de Janeiro

R$150,00

Report problem
Processing your request, Please wait....

Informação adicional

Endereçoav atlantica, 100
CidadeRio de Janeiro
EstadosRio de Janeiro (RJ)
PaísBrasil
Cep20010000

Comprar anfepramona no Rio de Janeiro, Você já se perguntou sobre onde comprar Anfepramona com segurança e sem receita sob sigilo total? Sua solução está aqui em nosso site.

Acompanhe abaixo todas as informações da bula, além de detalhes importantes sobre o medicamento.

Apresentação do medicamento Anfepramona

Trata-se de um medicamento de tarja preta, vendido sob receita médica (Mas aqui você poderá Comprar anfepramona no Rio de Janeiro com segurança e sem receita!). É encontrado na forma de comprimidos.

Sua embalagem pode apresentar 20, 30, 40, ou 60 comprimidos de 25mg ou 75mg (este último com liberação lenta).

É um medicamento de via oral e de uso adulto.

Composição do medicamento Anfepramona

Cada comprimido apresenta:

  • Princípio ativo: 25mg ou 75mg de cloridrato de Anfepramona.
  • Excipientes:
    # Comprimido de 25mg: dióxido de silício, compremix DCA, croscarmelose sódica, ácido tartárico e estearato de magnésio em quantidade suficiente para 1 comprimido.
    # Comprimido de 75mg de liberação lenta: carbomer, hipromelose, dióxido de silício, estearato de magnésio e celulose microcristalina em quantidade suficiente para 1 comprimido de liberação lenta.

Para que serve o medicamento Anfepramona?

Comprar anfepramona no Rio de Janeiro é um medicamento indicado para o tratamento de obesidade exógena (causada pelo excesso de alimento).

O medicamento tem resultado em poucas semanas, porém ele não passa de um adjuvante (complemento) de todo um processo de redução de peso, o qual inclui-se dieta saudável e exercícios físicos.

Como o medicamento Anfepramona age no organismo?

Anfepramona possui como princípio ativo o cloridrato de Anfepramona, que é um composto químico que age sobre a liberação de noradrenalina.

A noradrenalina é um neurotransmissor responsável por levar ao centro de saciedade estímulos do nosso sistema nervoso central a sensação de saciedade.

Portanto, o medicamento A Comprar anfepramona no Rio de Janeiro estimula a sensação de saciedade, fazendo com que o paciente não sinta mais a mesma fome que sentia antes, fazendo com que ele coma menos vezes ao dia, e, em conjunto com atividades físicas e uma boa reeducação alimentar, o emagrecimento se torna apenas uma consequência de todas estas etapas.

É altamente recomendado reter o máximo de informações possíveis aqui antes de comprar Anfepramona conosco.

Efeitos adversos do medicamento Anfepramona:

    • Efeitos adversos que podem ocorrer: insônia, dor de cabeça, vertigem, dor muscular, nervosismo, manifestações depressivas, angústia, alteração do paladar, boca seca, náusea, vômito, diarreia, constipação, taquicardia, impotência sexual, alteração na libido, irregularidade menstrual, urticária (vergões na pele), eritema (mancha vermelha na pele), cólica abdominal, dispneia (dificuldade de respirar), disúria (dificuldade para urinar), poliúria (grande volume de urina), anemia, tremores, excitação, palpitação, arritmia, euforia, equimose (mancha roxa na pele) e queda de cabelo. Geralmente, estas reações são passageiras quando o uso de ANEPROMONA é interrompido. Portanto, se persistirem os efeitos o médico deverá ser consultado.
  • Efeitos adversos raros: episódios psicóticos e aumento de convulsões em pacientes epilépticos.

Quais as contraindicações do medicamento Anfepramona?

Anfepramona não deve ser usada em pacientes:

    • Com hipersensibilidade ao princípio ativo (cloridrato de anfepramona) ou a qualquer outro componente de Anfepramona.
    • Menores de 12 anos de idade.
    • Mulheres grávidas, na fase de amamentação ou com intenção de engravidar. Nestas condições, o medicamento só deve ser administrado sob orientação médica.
    • Que se encaixam em algum dos seguintes quadros clínicos:# Arteriosclerose avançada (doença degenerativa das artérias).# Hipertireoidismo.# Hipersensibilidade às aminas simpaticomiméticas (drogas adrenérgicas).# Glaucoma (lesão no nervo óptico).# Estados de agitação psicomotora.# Miastenia gravis (fraqueza dos músculos voluntários).
    • Com histórico de uso compulsivo de drogas ou de álcool.
    • Com casos de hipertensão severa.
  • Que fazem tratamento com medicamentos Inibidores da Monoamina Oxidase (IMAO). Após o término do uso de IMAO, deve-se respeitar um intervalo de 14 dias para iniciar o tratamento com Anfepramona.

Advertências e precauções no uso do medicamento Comprar anfepramona no Rio de Janeiro

    • O tratamento com Anfepramona não deve ser interrompido sem o término do ciclo.
    • Durante o tratamento com Anfepramona, atividades como condução de veículos e máquinas podem ser comprometidas devido a possibilidade de o medicamento interferir nas habilidades físicas e mentais do paciente.
    • Anfepramona pode causar dependência física e disfunção social, visto que o medicamento é muito similar às anfetaminas (drogas que estimulam a atividade do sistema nervoso central) e a outros estimulantes.
    • Anfepramona não deve ser administrada juntamente com bebidas alcoólicas, pois as chances de o paciente apresentar efeitos adversos (tontura, fraqueza, síncope e confusão) aumentam significativamente.
    • A interrupção brusca de um tratamento a longo prazo com Anfepramona pode resultar em sintomas como fadiga extrema, depressão mental e uma possível alteração da atividade elétrica do cérebro.
    • Anfepramona pode causar hipertensão pulmonar.
    • Pacientes que fazem o uso concomitante de Anfepramona e medicamentos que causam anorexia poderão desenvolver sintomas de intoxicação crônica, como dermatoses graves (manifestações alérgicas na pele), insônia, irritabilidade, hiperatividade, mudança de personalidade e psicose.
      Não faça o uso conjunto destes medicamentos.
    • Caso o paciente desenvolva tolerância ao efeito de Anfepramona, a dose não deve ser aumentada, mas sim cortada. O médico deve ser informado caso isso aconteça.
    • Anfepramona deve ser administrada com muita cautela em pacientes que possuem hipertensão, doenças cardiovasculares sintomáticas e arritmia.
    • As doses de insulina devem ser ajustadas com o uso de Anfepramona. O médico deve ser informado para que ele faça o ajuste necessário.
    • Há estudos que provam que Anfepramona pode aumentar as convulsões em pessoas epilépticas. Portanto, o médico deve ter conhecimento desta condição e o medicamento deve ter seu uso feito de forma cautelosa e responsável, podendo ser necessário a diminuição da dose ou a interrupção do tratamento.
    • Comprar anfepramona no Rio de Janeiro há a possibilidade de o medicamento diminuir ou até mesmo inibir o fluxo de salivação, geralmente, em pacientes de meia idade e idosos, fazendo com que estes apresentem sintoma de boca seca.
      A falta de salivação propicia o aparecimento de cáries, infecções na gengiva, candidíase oral e mal-estar.
      Uma excelente higiene bucal em conjunto com chicletes ou balas sem açúcar nestes casos é recomendada.
      O dentista deve ser consultado periodicamente.
    • O tempo de tratamento com Anfepramona não deve exceder 12 semanas.
  • A dosagem de Anfepramona deve ser diminuída gradativamente durante o tratamento.

Medicamentos que podem interagir com o medicamento Anfepramona, causando reações adversas

  • Anorexígenos (medicamentos que induzem a anorexia).
  • Medicamentos Inibidores da Monoamina Oxidase (IMAO).
  • Anestésicos orgânicos (hidrocarbonados) por inalação.
  • Hipoglicemiantes orais.
  • Insulina.
  • Hormônios tireoidianos.
  • Anti-hipertensivos.
  • Álcool.
  • Outros medicamentos estimulantes do sistema nervoso.
  • Fenotiazinas.

Anfepramona não deve ser utilizada em conjunto com estes medicamentos.

Pode ser perigoso à saúde. Caso o paciente faça o uso de algum destes medicamentos ou algum outro não listado, o tratamento deverá ser interrompido.

Como o medicamento Anfepramona deve ser usado?

Para a administração de Comprar anfepramona no Rio de Janeiro, deve-se engolir o comprimido inteiro (sem parti-lo ou mastiga-lo) com quantidade suficiente de líquido não alcoólico.

A dose, o horário e o tempo de tratamento deve ser estritamente respeitado pelo paciente.

Entretanto, para Anfepramona 25mg recomenda-se 3 comprimidos ao dia, uma hora antes das refeições, sendo que o último deve ser tomado 4 horas antes do paciente adormecer para evitar insônia.

Para Anfepramona 75mg de liberação lenta, recomenda-se a administração de 1 comprimido ao dia no meio da manhã.

08/09/2020 17:01

517 dias, 17 horas

Listing ID 2905f57e19900281 1496 visualizações, 0 hoje

Comentários